Inscrever-me

Sector de obras e remodelação: Oportunidades e ameaças a ter em conta

13 Outubro, 2021
Sofia Macedo

Depois do abalo que o setor de obras e remodelação levou com a pandemia, aos poucos as coisas vão voltando ao ritmo de antes. antes. Nesse sentido, pareceu-nos oportuno fazer uma análise do estado actual do sector. Assim sendo, apontamos aqui as oportunidades e ameaças mais evidentes pelas quais o sector de obras e remodelação está agora a passar.

Sector de obras e remodelação: Oportunidades 

  • Segundo números revelados pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) no princípio deste mês, o Índice de Produção na Construção aumentou 2,6% face a agosto relativamente de 2020. Apesar do crescimento não ser tão rápido como antes, foquemo-nos no positivo: há um crescimento a assinalar!
  • A necessidade de habitação tem levado ao aumento significativo dos preços dos aluguéis e das hipotecas. Consequentemente, também o sector da Construção no segmento de luxo tem visto a sua procura a aumentar.
  • O setor da construção vai ser dos que mais vai beneficiar do PRR, o Plano de Recuperação e Resiliência, também conhecido como a “bazuca”. Prevê-se que cerca de 20% das verbas, ou seja, mais 3,4 mil milhões de euros até 2026, se destinam à Construção.

Sector de obras e remodelação: Ameaças 

  • A incerteza da Covid-19 ainda se faz sentir e apesar da abertura das discotecas, a chegada do inverno, obriga a preocupações extras. O que vai acontecer ao sector de obras e remodelações é algo que ninguém se atreve a dizer! Isso também obrigará os construtores a um esforço extra! Ou seja, deverão continuar a acompanhar e a se adaptar às indicações da Direção Geral de Saúde. Assim sendo, cuidar da saúde pública continuará a ser uma prioridade.
  • Apesar de muitos verem as grandes obras como o que vai salvar a economia nos próximos tempos, para já, tal não se verifica. Na verdade, parece ter havido uma queda considerável, com os concursos de obras públicas a caírem 15% até agosto deste ano, segundo dados da AICCOPN.
  • O peso dos impostos em Portugal continua a... pesar - para quem compra, para quem contrata e para quem tem de gerir equipas e obras. Nesse sentido, quer a carga fiscal, quer os custos da construção - ainda mais com o a subida do preço dos materiais - poderão ser travões ao investimento em habitação mais acessível.
subscricao-de-contatSubscrição de Contatosos
Oportunidades e ameaças do setor da construção
-
É um profissional independente ou uma empresa e quer ter clientes com menos esforço?
Inscreva-se e obtenha clientes
Uma coisa antes de fazer o seu comentário: não é permitido incluir telefones de contacto, e-mails ou links para websites externos nesta secção, tal conteúdo será moderado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba notícias no seu e-mail

  • Hidden
    :
Suscribirme a la newsletter
¿Autónomo o empresa?
Consigue nuevos clientes y haz crecer tu negocio
Únete a habitissimo
usercalendar-fullcrossmenu